ESTUDO DE CASO

CTEEP - 2021

PRODUTO

Action.Sun

CTEEP - 2021

Objetivo: a Spin tem diversos projetos ativos com a CTEEP como cliente final. Todos os projetos são para inclusão e alteração de informações em IHM (Interface Homem-Máquina) locais de subestações devido a retrofits, entrada de novos bays (reatores, capacitores, transformadores) ou seccionamento de linhas.

A BW Guirapá (FERBASA) é uma empresa geradora de energia, situada em Caitité-BA, utilizando uma planta de 92 aerogeradores. Em conjunto com a BW, a Spin desenvolveu um sistema de gestão de complexos eólicos (Action.Wind), que executa na nuvem ou em servidor do cliente, disponibilizando relatório e boletins de produção na web.

O Action.Wind é um sistema de suporte à operação e manutenção, utilizando as ferramentas de machine learning e inteligência artificial para acumular conhecimento e “aprender” a partir de dados históricos. Fornecendo, a partir daí, importantes análises para auxiliar na pós-operação, visando uma gestão inteligente de complexos eólicos, possibilitando a manutenção preventiva e preditiva da planta de produção, com análises de disponibilidade, comparação entre turbinas, produção, previsão de geração e manutenção (MTTR, MTBF, previsão de falhas etc.).

A solução se integra a diferentes fontes de informações (base de dados, arquivos e equipamentos de campo) a partir de protocolos de comunicação, realizando um processo de extração, transformação e carregamento (ETL, do inglês Extract, Transform and Load), para então, disponibilizar os dados tratados em dashboards.

Diversas empresas (dentre elas, destacam-se Siemens e IBL) contratam a Spin para atualização das informações das IHMs locais das subestações da CTEEP.

Dentre os projetos ativos estão:

SE Bauru:

Seccionamento de linha entre a SE Bauru e a SE Oeste

SE Oeste:

Seccionamento de linha entre a SE Oeste e a SE Bauru

SE Cabreúva:

Bays do reator 1 e reator 3

SE Araraquara:

Bay de reator.

A CTEEP mantém suas IHM locais atualizadas e comissionadas em atendimento aos requisitos dos Procedimentos de Rede do ONS e seguindo sua padronização interna de descrições dos pontos para a IHM local, UTR (Unidade Terminal Remota) e COT – Centro de Operação da Transmissão.

Em 2021, foram finalizados com sucesso, agilidade e dentro do prazo previsto, os projetos:

SE Bauru:

Seccionamento dos circuitos 1 e 2 para a SE Ilha Solteira

SE Ilha Solteira:

Seccionamento dos circuitos 1 e 2 para a SE Bauru

SE Taquaruçu:

Seccionamento de linha

SE Taubaté:

Instalação de um novo banco de transformadores de 500kV.

Fases do projeto

A fase 1 desta solução está operando no cliente, com a fase 2 em desenvolvimento para entrega de novas funcionalidades.

Exemplos de dashboards do Action.Wind para desktop.

Tem um projeto para nós? Vamos discutir isso!